Reunião aproxima produtores Fairtrade e comunidade acadêmica da UFLA



25 de Maio de 2018, 11:48 am , com 307 visualizações

Mais uma importante ação integrou a programação da Semana Fairtrade (Comércio Justo) na Universidade Federal de Lavras (UFLA). Nessa quinta-feira (24/5), no auditório da Agência de Inovação de Café (InovaCafé), organizações pertencentes à Associação das Organizações de Produtores Fairtrade do Brasil (BRFair) e seus representantes junto às cooperativas e associações de café e suco de laranja com certificação Fairtrade puderam estreitar laços com a comunidade acadêmica da Universidade, expondo suas principais necessidades.

Na ocasião, onze cooperativas dos estados de Minas Gerais, São Paulo, Espírito Santo e Paraná estiveram representadas. A reunião foi proposta dentro do projeto “Universidades Latino-Americanas pelo Comércio Justo”, por intermédio da Associação das Organizações de Produtores Fairtrade do Brasil (BRFair) e da Coordenadora Latino-Americana e do Caribe de Pequenos Produtores e Trabalhadores do Comércio Justo (CLAC), com o apoio da InovaCafé.

A iniciativa teve como principal objetivo promover a aproximação da teoria e da prática, em uma via de mão dupla: de um lado, os produtores com sua experiência e as associações/cooperativas certificadas como objeto de estudo; de outro, a Universidade, como propagadora dos conceitos de comércio justo e produtora de conhecimentos na área.  

Presente à abertura, o pró-reitor de Extensão e Cultura da UFLA, João José Granate de Sá e Melo Marques, mostrou-se satisfeito com a realização do evento. “Fazemos questão de promover momentos de interação como este, mostrando a relevância da universidade pública para a sociedade que a financia. Somos abertos às mais diversas parcerias e, caso possuam problemas em que possamos colaborar para a sua resolução, oferecemos um corpo de especialistas bastante forte nas mais diversas áreas”, afirmou.

O diretor da InovaCafé, professor Luiz Gonzaga de Castro Junior, corroborou as palavras do pró-reitor, ressaltando o importante e histórico papel da UFLA junto aos produtores rurais. “Nós trabalhamos no background, gerando grande parte da extensão que chega até o produtor. Mas pretendemos melhorar ainda mais essa capilaridade, contribuindo através de parcerias que se abrem, ainda mais, a partir de hoje”.  

O presidente da BRFair e da Cooperativa dos Cafeicultores do Sul do Estado do Espírito Santo (Cafesul), Renato Teodoro, apresentou dados que atestaram a relevância econômica e social do Fairtrade no país. “Contabilizamos 44 organizações de pequenos produtores, somadas a cinco plantações de fruta, e 27 mil famílias envolvidas no processo.

Em 2017, somente na área da cafeicultura, foram vendidas 330.970 sacas pelo Faitrade”. Teodoro ainda informou que os produtores Fairtrade arrecadaram um prêmio de mais de US$ 8 milhões no último ano e que o total de vendas de produtos com certificação (café, suco de laranja, fruta em natura e processada, mel, castanha do pará e soja) foi de US$ 67 milhões.  

O professor do Departamento de Administração e Economia (DAE/UFLA) e coordenador de Inovação e Parque Tecnológico da Incubadora de Empresas de Base Tecnológica (Inbatec), Paulo Henrique Leme, resumiu o resultado da reunião. “A partir de agora, a BRFair vai consolidar as demandas do que foi debatido, elaborando um documento em que constarão os eixos de trabalho que são de comum interesse entre Universidade e produtores. Com esse alinhamento, estudaremos como proceder, avaliando se as demandas poderão se tornar projetos de pesquisa, extensão ou parcerias”, explicou. Segundo ele, o documento será público e há a intenção de que seja estruturada uma rede de pesquisas baseadas nas demandas e nos projetos que surgirão.  

Semana de Cafés Certificados

Até esta sexta-feira (25/5), na Cafeteria Escola CafEsal, estão sendo servidos cafés em diferentes métodos de preparo das seguintes cooperativas certificadas: Cooperativa dos Cafeicultores do Sul do Estado do Espírito Santo (Cafesul), Cooperativa Regional Indústria e Comércio de Produtos Agrícolas do Povo que Luta (Coorpol), Cooperativa Mista Agropecuária de Paraguaçu (Coomap), Cooperativa dos Agricultores Familiares de Poço Fundo (Coopfam) e Cooperativa dos Produtores de Café Especial de Boa Esperança (Dos Costas).

A Cooperativa de Produtores Rurais de Agricultura Familiar (Coperfam) também está presente por meio de suco de laranja certificado, que está sendo harmonizado com café.  

Sobre o Fairtrade

O Fairtrade contribui para o desenvolvimento sustentável ao proporcionar melhores condições de troca e a garantia dos direitos para produtores e trabalhadores. Trata-se de uma parceria comercial, baseada no diálogo, na transparência e no respeito, visando maior equidade no comércio internacional. Além disso, busca-se contribuir para o desenvolvimento sustentável, por meio de melhores condições de troca e garantia dos direitos para produtores e trabalhadores à margem do mercado, principalmente no Hemisfério Sul.  

Ascom InovaCafé

Página Eventos UFLA no Facebook

Diretrizes de Comunicação da UFLA

Notícias por data

Maio 2018
D S T Q Q S S
« abr   jun »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Arquivo