UFLA na comunidade: projeto UFLA Runners desperta paixão pela corrida e promove saúde e bem-estar por meio de atividades em grupo



21 de Fevereiro de 2018, 11:12 am , com 1.382 visualizações

A corrida é um dos esportes que mais conquista adeptos no mundo. Além de ser uma atividade física acessível, podendo ser praticada ao ar livre, promove muitos benefícios para a saúde e o bem-estar de quem se exercita. Na UFLA, há três anos o esporte tem sido, também, uma forma de integração e socialização da comunidade por meio do projeto UFLA Runners.

A ideia partiu de um grupo de servidores da Universidade que, após participarem de uma corrida beneficente em 2015, perceberam o interesse em comum e a possibilidade de desenvolverem uma rotina para a prática do esporte no câmpus. Com oito integrantes, a equipe passou a se exercitar em grupo de forma frequente. Em 2016, o projeto foi aberto à comunidade e ampliou o número de corredores. Hoje, conta com mais 50 pessoas cadastradas e ativas, e com treinos às segundas, quartas e quintas, das 18h30 às 20h, na pista do estádio da UFLA.

De acordo com Wendel de Souza Pernambuco, um dos fundadores do projeto, o objetivo primordial é proporcionar mais qualidade de vida aos participantes, que não precisam ter experiência prévia para começar a atividade. “Nós contamos com o suporte do Departamento de Educação Física (DEF) e com o monitor Alberto Junior Arcanjo, graduando no curso, que tem todo o conhecimento sobre a atividade e acompanha de perto os membros, sejam iniciantes ou veteranos. O treino é desenvolvido de acordo com a condição física de cada um. Basta querer aprender a correr”, explica o servidor, que é maratonista há 23 anos. Além disso, o UFLA Runners firmou parceria com o Departamento de Nutrição (DNU) para que os membros do grupo possam realizar avaliação nutricional periodicamente.

O pró-reitor de Pesquisa e professor do Departamento de Química (DQI), Teodorico Ramalho, também participa do projeto desde o início. Ele conta que praticava esportes de forma incostante, e que o UFLA Runners foi fundamental para o desenvolvimento de uma regularidade nas atividades. “Com a equipe, temos uma orientação técnica adequada para os exercícios, o que minimiza a possibilidade de lesões e outras dificuldades de quem tem os primeiros contatos com a corrida. A partir disso, o esporte tornou-se mais prazeroso. Tem sido muito importante para minha qualidade de vida e também influenciou minha família a praticar atividades regularmente”, ressalta.

Teodorico reforça, ainda, o caráter de sociabilidade da iniciativa. “É um grupo que agrega pessoas com diferentes formações, sem qualquer distinção, seja do corpo docente, técnico, discente ou da comunidade em geral. O UFLA Runners desenvolve uma atmosfera muito positiva na Universidade, de paixão pelo esporte e pela própria Instituição. Além disso, os corredores têm levado o nome da UFLA por onde passam. Esse caráter de extensão é muito positivo.”

Equipe competidora

O UFLA Runners tem incentivado a participação da equipe em maratonas por todo o Brasil. Em 2017, foram quatro participações em grandes provas nacionais, além das competições regionais e locais. Dentre as grandes competições, o grupo participou da Meia Maratona Internacional de Belo Horizonte, em junho, e da Volta Internacional da Pampulha, em dezembro, fechando o ano com chave de ouro, quando a atleta Paula Natal participou da tradicional corrida de São Silvestre, levando o nome da equipe estampado na camisa. “Foi uma experiência única. Fiquei muito emocionada de estar ali, com mais de 30 mil pessoas correndo. A energia é incrível. Completei os 15 Km junto a outros tantos amantes da corrida, com 1h43”, revela. 

Ela, que começou a participar do projeto em 2017, conta que os treinos com a equipe lhe proporcionaram ânimo e disposição, além de técnicas importantes para uma longa corrida. “Sempre gostei de correr. Quando levava minha filha aos treinos de ginástica no ginásio, ficava assistindo à equipe do UFLA Runners e me interessei em fazer parte. Já corria há pouco mais de um ano, mas aprendi várias coisas, como a posição ideal de braços, pernas, a manutenção do ritmo e da concentração. Detalhes que fizeram grande diferença para completar a São Silvestre. Além disso, os treinos são dinâmicos e a turma bem animada. Acabei fazendo várias amizades”, conclui. 

Para 2018, o UFLA Runners prevê um calendário de provas importantes para participar. O grupo se prepara para correr as três etapas do Circuito das Estações Adidas – em Belo Horizonte, nos dias 11/3 e 17/6, e no Rio de Janeiro, em 30/9, com provas de 5km, 10km, 16km e 21km – além da Volta Internacional da Pampulha em Belo Horizonte, com 18 km, e da São Silvestre, em São Paulo, com 15 km. Além destas, também há previsão de em provas regionais e locais, com datas ainda indefinidas.

Como participar

Não é preciso ser corredor para participar do projeto. O UFLA Runners é aberto a qualquer membro da comunidade que deseje aprender mais sobre corrida e desenvolver a atividade regularmente. E para quem ainda tem dúvida, Wendel reforça: “A corrida é um esporte apaixonante. A pessoa pode até começar desinteressada, mas ao conhecer a técnica e aprender a superar as expectativas, a paixão se desenvolve. A maioria dos nossos membros tornaram-se corredores apaixonados. Além disso, a disciplina adquirida no esporte reflete-se na vida pessoal e social de quem o pratica.”

Confira as fotos das atividades do UFLA Runners: 

Página Eventos UFLA no Facebook

Diretrizes de Comunicação da UFLA

Notícias por data

Fevereiro 2018
D S T Q Q S S
« jan   mar »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728  

Arquivo