Primeiro Encontro de Ciência e Tecnologia em Plantas Medicinais será realizado na UFLA

Entre 7 e 9 de novembro ocorrerá o X Ciclo de Palestras em Plantas Medicinais, Aromáticas e Condimentares e o I Encontro de Ciência e Tecnologia em Plantas Medicinais na Universidade Federal de Lavras (UFLA).

O objetivo do evento é fortalecer junto à comunidade acadêmica e região a importância do conhecimento para as áreas de cultivo, processamento e o uso de plantas medicinais, aromáticas e condimentares.

Entre as atividades da programação estão incluídas palestras e minicursos, além da apresentação de trabalhos. As inscrições podem ser feitas no site dos núcleos.

Mais informações podem ser obtidas pelo site, página ou evento no Facebook.

O evento é promovido pelos Núcleos de Estudos em Produtos Naturais (Nepron) e em Plantas Medicinais, Aromáticas e Condimentares (Nemac) e tem o apoio do Conselho Regional de Biologia – 4ª Região.

Confira a programação completa:

7/11 (terça-feira):
9h – Minicurso: Hortaliças não convencionais e a saúde (Luis Felipe Lima e Silva – UFLA)
13h30 – Minicurso: Fitoterapia dermatológica e cosmética: da teoria à prática (Wanderley Bittencourt – UFLA)
16h30 – Abertura
17h – Palestra: O biólogo e o mercado de trabalho (Conselheiro Frederico Loiola – CRBIO)

8/11 (quarta-feira):
9h – Palestra: Etnobotânica: uma experiência com índios e quilombolas (Daniel Sales Pimenta – UFJF)
10h – Mesa redonda: Cultivo e mercado de trabalho (Luciane Vilela Resende, Wilson Magela Gonçalves e Alexandre Alves de Carvalho – UFLA)
13h30 – Palestra: Quantas plantas conhecemos? (Marcos Sobral – UFSJ)
15h30 – Palestra: Farmácia Viva (Thelma de Barros Machado – UFF)
16h30 – Apresentação de trabalhos

9/11 (quinta-feira):
9h – Palestra: Da planta medicinal ao fitoterápico (Thelma de Barros Machado – UFF)
10h – Palestra: Plantas Medicinais e aromáticas: do campo ao mercado, uma experiência concreta na Empresa Kampo de Ervas (Ademar Menezes Júnior)
13h30 – Palestra: Plantas medicinais no mediterrâneo (Smail Aaza – Universidade de Algarve)
16h – Apresentação de trabalhos
17h15 – Encerramento

Luciana Tereza – estagiária Dcom/UFLA.

Professor da UFLA apresenta projeto de pesquisa na Exposição de Cafés da Colômbia

Entre os dias 19 e 21 de outubro foi realizado em Bogotá, na Colômbia, o Cafés de Colombia Expo 2017. O professor do Departamento de Engenharia (DEG) da Universidade Federal de Lavras (UFLA) Fábio Moreira, esteve presente para apresentar o projeto de pesquisa do qual é orientador, em parceria com o professor Carlos Eduardo Silva Volpato (coorientador) e com o estudante de doutorado do Programa de Pós-graduação em Engenharia Agrícola Miguel Ángel Díaz Herrera.

O professor Fábio abordou a revolução no processo produtivo agrícola desde a invenção dos motores, com o qual a maioria das máquinas agrícolas se move. Ele afirma que esse foi um marco para aumentar a produtividade no campo; porém, devido ao aumento da população mundial e o crescimento da procura por alimentos, os agricultores estão cada vez mais sob pressão para garantir a produção, ainda mais com o agravante da redução da mão de obra rural.

Fábio ressaltou as pesquisas desenvolvidas na UFLA sobre o desenvolvimento de máquinas agrícolas seletivas, em que os derriçadores portáteis, junto com a habilidade de manejo do operador, selecionam os frutos maduros. Na ocasião, o projeto de doutorado de Miguel foi aprovado integralmente.

“As menores inclinações das áreas de produção são mais suscetíveis à mecanização”, afirma Fábio. Nesse sentido, demonstrou os parâmetros de desempenho operacional da mecanização da cafeicultura brasileira e explanou sobre o terraceamento das lavouras em áreas mais inclinadas no Brasil. “Essa prática permite utilizar máquinas portáteis, pequenos tratores e triciclos para o manejo da lavoura no método sanitário do cultivo e na colheita semimecanizada” – concluiu.

Em um momento em que a Federação Nacional de Produtores de Café (FNC) está explorando maneiras de tornar a coleta seletiva de café mais eficiente na Colômbia, Moreira alertou que os solos vulcânicos do país podem ser um complicador para o terraceamento, devido a problemas de erosão, e sugeriu atenuações nesse sentido.

Panmela Oliveira – comunicadora e bolsista Dcom/Fapemig

Membros do Laboratório de Bioética e Direito participaram de congressos e receberam premiação nacional

Os estudantes premiados, Jéssica e Vagner, recebendo certificados.

Os meses de setembro e de outubro foram marcados por muitas atividades para os membros do Laboratório de Bioética e Direito (LABB), grupo de pesquisa vinculado ao Departamento de Direito (DIR) da UFLA. Nesse período, participaram de dois congressos, nos quais obtiveram destacada participação.

Em Curitiba (PR), os membros do LABB estiveram no V Congresso do Instituto Brasileiro de Direito Civil, realizado nos dias 21, 22 e 23 de setembro. Os discentes Jéssica Linhares e Vagner Batista receberam o II Prêmio Clóvis Beviláqua, na categoria estudante, com o trabalho “Direito ao livre desenvolvimento da personalidade da criança e do adolescente conforme sua identidade de gênero”.

Durante o evento, o grupo ainda lançou o I Concurso Nacional de Fotografias para Estudantes de Direito, com o tema “Convenção sobre Direitos das Pessoas com Deficiência: O Olhar Fotográfico Como Parâmetro”. Essa iniciativa recebeu amplo apoio das instituições e professores participantes. As inscrições estão abertas, para acadêmicos de Direito, até o dia 3 de dezembro e outras informações podem ser obtidas em www.labbioetica.com.br.

O coordenador do LABB, professor Gustavo Ribeiro, lançou a terceira edição de sua obra “Manual de Direito das Famílias e das Sucessões”, coordenada em conjunto com a professora Ana Carolina Brochado e editada pela Editora Processo. Para ele, o evento concedeu “uma oportunidade singular de apresentar o resultado de nossas pesquisas e de receber o reconhecimento do esforço conjunto”.

Os estudantes do grupo visitaram a biblioteca do curso de Direito da Universidade Federal do Paraná (UFPR) e assistiram a aulas ministradas pelos professores Eroulths Cortiano Junior e Paulo Nalin. “As atividades sinalizam a aproximação do Laboratório de Bioética e Direito com o grupo Virada de Copérnico, grupo de pesquisa em Direito Civil da UFPR”, observa o professor Gustavo.

Congresso Mineiro de Direito Civil: próxima edição será em Lavras

Ouro Preto foi sede do Congresso Mineiro de Direito Civil, realizado entre 18 e 20 de outubro. Em sua terceira edição, o evento abordou o tema “Os 15 anos do Código Civil (2002-2017)” e recebeu a participação de diversos estudantes e professores da UFLA.

Os painéis do congresso contaram com a presença de três professores do DIR: no dia 19, a professora Luciana Berlini, discutiu o “Direito das Famílias nos 15 anos do Código Civil de 2002”, no painel Família e Sucessões; e o professor Gustavo Ribeiro proferiu a palestra intitulada “O Código Civil e proteção dos vulneráveis: avanços, problemas e perspectivas”, no painel Codificação Civil: passado, presente e futuro. No dia 20, o professor Fellipe Reis presidiu a mesa no painel Empresa. Também compareceu ao evento a professora Thaís Seco, professora de Direito Civil do DIR.

Os discentes Alexander Beltrão e Pedro Viana, membros do LABB, apresentaram o trabalho “A função criativa da boa-fé objetiva na jurisprudência do Tribunal de Justiça de Minas Gerais”. Na ocasião, o discente Alexander Beltrão também apresentou sua pesquisa sobre “O regime das (in)capacidades civis e o modelo social de deficiência”.

O grupo Observatório de Famílias (Terra Civilis), coordenado pela professora Luciana Berlini, teve apresentações dos discentes Rafael Villas Boas e Simone Reis, com o tema: “A Pessoa no Código Civil de 2002: Reafirmação do Princípio da Igualdade e a Figura Jurídica da Mulher” e de Ana Jéssica Soares Viana: “O Princípio da afetividade no Código Civil de 2002: O afeto na perspectiva da Codificação Civil: entre normas, omissões e contradições”.

O congresso também sediou a reunião da Associação Mineira de Professores de Direito Civil (AMPDIC), presidida pelo professor Gustavo Ribeiro. No encontro, a Associação aprovou Lavras como próxima cidade a receber o Congresso Mineiro de Direito Civil. A quarta edição, organizada pelo LABB e AMPDIC, terá como tema “Direito Privado e Vulnerabilidade” e será realizada entre os dias 26 e 28 de setembro de 2018. Haverá chamada para seleção de palestrantes e apresentação de trabalhos de pôsteres e artigos em painéis temáticos.

 

Na próxima semana será realizado na UFLA o XXI Simpósio Internacional de Atualização em Genética e Melhoramento de Plantas

O Núcleo de Estudos em Genética e Melhoramento realiza anualmente o Simpósio Internacional de Atualização em Genética e Melhoramento de Plantas. Neste ano, o evento terá como tema “Genética Quantitativa”, e ocorrerá nos dias 8, 9 e 10 de novembro. Os interessados em participar devem se inscrever no site: https://www.even3.com.br/GEN

A experiência com a realização das 20 edições anteriores conduziu o Núcleo de Estudos em Genética e Melhoramento para a ampliação do evento, propiciando a participação de um número maior de palestrantes e participantes internacionais. Essa iniciativa tem, na sua essência, a proposta de intensificar interações entre estudantes de graduação, pós-graduação, cientistas e profissionais brasileiros e estrangeiros, além da difusão dos conhecimentos em genética e melhoramento de plantas.

“Nosso evento atingiu o patamar de um dos mais importantes eventos promovidos pela UFLA, o qual pode ser constatado pelo aumento significativo da participação da comunidade acadêmica e interesse crescente de pesquisadores e profissionais de empresas da área de melhoramento de plantas”, comenta a organização do evento.

Confira no site a programação completa: https://www.even3.com.br/GEN 

UFLA promoverá o XVII Simpósio de Manejo de Doenças na próxima semana

Em sua XVII edição, o Simpósio de Manejo de Doenças de Plantas terá como tema central “Novos sistemas de produção” e será realizado de 7 a 9 de novembro. Os interessados em participar devem se inscrever no site http://www.nucleoestudo.ufla.br/gen/ ou no Sistema Integrado de Gestão (SIG).

Os palestrantes irão abordar assuntos referentes aos novos sistemas de produção agrícola, como o manejo de doenças em sistema de plantio direto, biotecnologia e doenças de plantas, diversificação microbiana no solo, plantas de cobertura, novos arranjos produtivos na cultura do café, integração lavoura-pecuária, manejo de doenças em cana-de-açúcar entre outros temas relevantes.

O Simpósio de Manejo de Doenças de Plantas é um evento anual que congrega estudantes, professores, pesquisadores e demais interessados em fitopatologia, sendo organizado pelo Núcleo de Estudos em Fitopatologia, com o apoio do Departamento de Fitopatologia da UFLA.

Confira no site a programação completa: http://www.nucleoestudo.ufla.br/nefit/index.php/atividades/simposio/programacao

5º Conexão Pública debate segurança e educação – Participe!

A Universidade Federal de Lavras (UFLA) vai sediar, na próxima semana, de 7 a 10/11, o 5º Conexão Pública. O evento chega à quinta edição, com foco nos debates sobre segurança pública e educação no Brasil. As inscrições podem ser feitas até 3/11, no Centro Acadêmico (CA) de Administração Pública ou por meio deste link.

A programação conta com palestras e, neste ano, haverá uma novidade: a realização de estudos de caso pelos participantes, que vão apresentar um projeto ao final do evento. Está prevista ainda premiação para o grupo vencedor.

O 5º Conexão Pública será no Anfiteatro do Departamento de Biologia (DBI), o “Ramalhão”, no dia 7, e no anfiteatro da Biblioteca Universitária, de 8 a 10/11. Horário é o mesmo para todos os dias, das 19h às 21h.

O evento tem a iniciativa do Centro Acadêmico de Administração Pública, com o apoio do Departamento de Administração e Economia (DAE), da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PROEC) e da UFLA.

Texto: Rafael Passos – Jornalista/bolsista – Fapemig

Simpósio de Pecuária de Corte da UFLA será realizado na próxima semana

O Simpósio de Pecuária de Corte (Simpec)/V International Symposium of Beef Cattle Production ocorrerá na Universidade Federal de Lavras (UFLA) nos dias 9, 10 e 11 de novembro, com a temática “Integrando ciência, prática e profissionalismo na bovinocultura de corte”. Os interessados em se inscrever devem acessar o site: https://www.simpecufla.com/inscricoes.

O Simpec/UFLA é realizado desde 2001. Há cinco edições, o evento passou a contar com palestrantes e participantes de outros países, tornando-se assim o International Symposium of Beef Cattle Production. O Simpec já contou com a participação de cerca de 3000 participantes (uma média de mais de 300 participantes por edição).

Neste ano, o Simpósio contará com um novo formato. Serão mais palestras de menor duração. A cada duas palestras, de temas relacionados, será realizado um painel de discussão sobre o tema. Haverá também uma tarde inteira só para apresentação e discussão sobre casos de sucesso na pecuária de corte. No terceiro dia do evento, o Simpec ganhará a primeira edição da inédita “Feira de Carreiras em Bovinocultura de Corte”.

O Simpósio é um evento de integração em pecuária de corte. Integração de conhecimentos, vivências, networking e ideias. Integrando tudo isso com pecuaristas, pesquisadores, profissionais liberais, gerentes, CEO’s, técnicos de campo, estudantes, entre outros.​

Confira aqui a programação completa, que contará com 32 profissionais renomados. 

UFLA na mídia: professora do DFI recebe Prêmio Para Mulheres na Ciência 2017

A professora do Departamento de Física da Universidade Federal de Lavras (DFI/UFLA), Jenaina Ribeiro Soares, recebeu, na última terça-feira (24/10), o Prêmio Para Mulheres na Ciência 2017. As informações sobre premiação, que é uma promoção da Unesco, Academia Brasileira de Ciências e L’Oréal, foram publicadas na Revista Galileu e na Superinteressante.

O projeto vencedor na categoria Física, elaborado pela pesquisadora Jenaina, está relacionado à sua linha de pesquisa: estudo das propriedades e síntese de nanomateriais – materiais cuja estrutura possui até um milionésimo de milímetro.

O objetivo do prêmio é favorecer o equilíbrio de gênero na pesquisa brasileira e incentivar a entrada de jovens mulheres no universo científico. Além da professora da UFLA, outras sete pesquisadoras foram premiadas, recebendo, cada uma, uma bolsa-auxílio de R$50 mil para fundamentar e dar continuidade às pesquisas.

Veja mais em: Professora da UFLA vence Prêmio Para Mulheres na Ciência 2017, na categoria Física

Luciana Tereza – estagiária Dcom/UFLA.

Sonha em estudar na França? Participe da palestra Campus France na UFLA

Você sonha em estudar na França? A Diretoria de Relações Internacionais (DRI) convida todos os alunos de graduação e de pós-graduação para a palestra Campus France, que será realizada em 14/11, no Anfiteatro Magno Antônio Patto Ramalho do Departamento de Biologia (Ramalhão), às 14h.

Na oportunidade, os estudantes poderão tirar suas dúvidas sobre o ensino superior francês, possibilidades de intercâmbio e de pós-graduação na França, além de entender mais sobre as bolsas de estudos no país.

As inscrições podem ser feitas pelo Sig, entre os dias 1º/11 e 14/11.

Para mais informações sobre o evento, entrar em contato com a DRI pelo (35) 3829 1858

Última semana de inscrições para vagas de estágio obrigatório (2018/1) na UFLA

Até o dia 1º de novembro, estão abertas as inscrições para estágio obrigatório na Universidade Federal de Lavras (UFLA) para o 1º semestre de 2018. Para concorrer, o candidato deve estar regularmente matriculado em uma Instituição de Ensino conveniada com a UFLA, com frequência em um curso compatível com a área de atuação e com o nível exigido para a vaga ofertada. Cada candidato poderá se inscrever somente para uma única vaga de estágio.

Os documentos solicitados para inscrição, constantes no item 2.7 do Edital, devem ser entregues pessoalmente na Pró-Reitoria de Extensão e Cultura – Proec (no edifício das Pró-Reitorias), das 8 às 12 horas ou das 14 às 16 horas, de segunda a sexta-feira; ou enviados pelo correio (Sedex), com data de postagem até 1º de novembro de 2017, para o endereço: Universidade Federal de Lavras – Pró-Reitoria de Extensão e Cultura – Coordenadoria de Estágios. Caixa Postal: 3037 – CEP: 37200-000 – Lavras, MG.

O processo seletivo levará em conta o histórico escolar e o currículo. O resultado será divulgado a partir de 1º de dezembro de 2017, na página da internet da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura, portaldeestagios.ufla.br e quadros de avisos da Universidade.

O edital de seleção, suas retificações e o requerimento de inscrição estão disponíveis nos links abaixo: