Química

1) Laboratório de Análise Foliar

Responsável: Wilson Ferreira Carvalho Júnior (wjunior@dqi.ufla.br)

Telefone: (35)3829-1275

O Laboratório de Análise Foliar foi instituído em 1972, no Departamento de Química, com o intuito de atender a população acadêmica e a sociedade civil. A diagnose feita pela análise química permite constatar as deficiências ou toxidez de nutrientes minerais nas plantas, antes do aparecimento dos sintomas típicos. É uma avaliação do estado nutricional da planta, fornecendo também uma melhor orientação para a correção da fertilidade do solo.

No Laboratório de Análise Foliar do Departamento de Química, são analisados os seguintes elementos: N, P, K, Ca, Mg, S, B, Cu, Fe, Mn, Zn, Na, Cr, Cd e Pb através de métodos volumétricos, gravimétricos e físico-químicos.

O Laboratório participa do Programa Interlaboratorial de Análise de Tecido Vegetal (PIATV), Sociedade Brasileira de Ciências dos Solos, Departamento de Ciência dos Solos/ USP, sendo classificado com o conceito “A”, possuindo selo de certificação de controle de qualidade, cujos objetivos principais, são o de estimular a prática da análise de plantas, controlar a qualidade do trabalho, garantir ao usuário a confiança nos resultados e o aprimoramento constante da metodologia de análise.

2) Laboratório de Análises Físico-químicas de Aguardente de Cana

Responsável: Profa. Dra. Maria das Graças Cardoso (mcardoso@dqi.ufla.br)

Telefone: (35)3829-1630

O Laboratório de Análises Físico-químicas de Aguardente de Cana foi instituído no Departamento de Química em 1995. Desde então, vem contribuindo para a melhoria da qualidade da bebida, por meio de análises físico-químicas que visam o controle de qualidade da bebida, bem como, por publicações e cursos que informam e orientam os produtores. Atualmente, o laboratório atende a produtores de todo o país.

As análises realizadas seguem os procedimentos estabelecidos pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento/MAPA (Brasil, 2005), onde constam análises de teor alcoólico, densidade, exame organoléptico, acidez volátil, extrato seco, alcoóis superiores, metanol, aldeídos, ésteres, furfural, cobre e soma dos componentes secundários. Os laudos são emitidos de acordo com os parâmetros estabelecidos pela legislação brasileira, atestando a qualidade do produto comercializado.

3) Laboratório de Fertilizantes e Corretivos

Responsável: Liége Junqueira Garcia (liege@dqi.ufla.br)

Telefone: (35)3829-1629

O Laboratório de Fertilizantes e Corretivos iniciou suas atividades no Departamento de Química em 1984. Os fertilizantes e corretivos constituem insumos básicos que, empregados de forma correta, proporcionam aumentos significativos na produção agrícola. A fiscalização sobre a produção, importação e comercialização desses insumos se faz necessária para garantir a conformidade dos mesmos. Neste cenário, o laboratório possui o credenciamento junto ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento/MAPA (n° de registro: MG-10640-2), atuando de forma legal no controle de qualidade desses produtos.

O laboratório é responsável por análises de macro e micronutrientes em fertilizantes minerais sólidos e corretivos de acidez, quantificando N, P, K, Ca, Mg, Fe, Cu, Mn, Zn, B, Cd, Pb, e realizando análises de Poder de Neutralização (PN) e Análise Granulométrica em corretivos. Essas análises permitem avaliar a conformidade desses produtos com os padrões exigidos pela legislação brasileira, atendendo a várias empresas e produtores rurais.