Biologia Subterrânea: UFLA inaugura Centro de Estudos e dá início ao segundo simpósio brasileiro sobre a ciência



3 de outubro de 2017, 4:38 pm , com 1.010 visualizações

O início da semana foi marcado por novidades no Departamento de Biologia (DBI) da UFLA. Na noite de segunda-feira (2/10), foi realizada a cerimônia de abertura do II Simpósio Brasileiro de Biologia Subterrânea, oportunidade em que celebrou-se também as novas dependências físicas do Centro de Estudos em Biologia Subterrânea (CEBS), inaugurado oficialmente na manhã desta terça-feira (3/10).

O CEBS é um projeto desenvolvido a partir de um convênio da Universidade com a empresa Vale, que além de subsidiar a execução da obra, tem disponibilizado bolsas de mestrado, doutorado e pós-doutorado para o desenvolvimento de pesquisas científicas focadas em espeleologia, que são os estudos da formação e dos organismos que vivem dentro de cavernas.

Para o reitor da UFLA, José Roberto Soares Scolforo, a inauguração do CEBS representa um passo à frente da Instituição no fomento às pesquisas sobre a vida em cavernas e o meio-ambiente. Scolforo também citou o comprometimento dos integrantes do DBI na construção e na viabilização do centro. “As cavernas estão em áreas ricas em minerais e, naturalmente, existe interesse econômico em explorar esses recursos. Se você não conhecer o que há em determinada caverna, você não vai saber garantir se o empreendimento pode ser realizado ou não. Sem conhecimento, corre-se o risco de eliminar a biodiversidade. Conhecimento definindo a preservação da vida e onde a atividade econômica pode ser instalada, essa é a grandiosidade deste centro”, acrescentou.

Scolforo também destacou a parceria público-privada como um meio saudável e essencial para crescimento da Universidade. “É muito importante podermos contar com uma empresa tão grandiosa como a Vale, que a partir de uma responsabilidade sócio-ambiental, se soma à nossa Universidade para desenvolver pesquisas e tecnologia. Temos conseguido efetivar parcerias que agregam à comunidade acadêmica e à produção científica, sem perdermos, obviamente, nossa autonomia no desenvolvimento das pesquisas. Por meio de parcerias com empresas privadas, temos aumentado as chances de empregos para nossos alunos, ampliado nossos laboratórios, atraído novos pesquisadores e nos destacado, também, nos rankings universitários”, concluiu.

O gerente executivo de Licenciamento Ambiental, Estudos, Espeleologia, Saúde e Segurança da Vale, Rodrigo Dutra Amaral, contou que a empresa investiu no projeto porque enxergou nele um grande ganho para a ciência. “Sabemos que, no país, nós temos uma grande carência de pesquisas na área e de taxonomistas de diversos grupos de fauna. Este centro de referência vai transformar informação em conhecimento e divulgar essa ciência tão rica à sociedade. Em nome da Vale, venho agradecer a parceria e reafirmar nosso compromisso de continuar apoiando as pesquisas aqui na UFLA, uma universidade modelo para o estado e para o Brasil”, reforçou.

O coordenador do Centro de Estudos em Biologia Subterrânea, professor Rodrigo Lopes Ferreira (DBI), não escondeu a emoção ao participar da inauguração do prédio. Entusiasmado com a iniciativa, o professor contou ser um dos incentivadores na instituição de pesquisas sobre a vida em lugares subterrâneos, e acredita que o CEBS será um marco na produção de trabalhos científicos nessa área. “Este centro é mais que a materialização de um sonho, é o enraizamento de uma ideia”, afirmou.

Conhecimento compartilhado

O II Simpósio Brasileiro de Biologia Subterrânea vai até o dia 6/10, e conta com palestras e mini-cursos de pesquisadores de vários países.

De acordo com Rodrigo, que é também coordenador do evento, o estudo de cavernas ainda é incipiente no Brasil, principalmente quando se trata de fauna subterrânea. Por isso, nesta edição, o evento tem como objetivo “aglomerar pessoas com diferentes formações para criar um ambiente de discussão, onde seja possível disseminar conhecimentos para educar pessoas que, em sua instância possam, da melhor forma, conservar esses ambientes”, explicou.

Confira a programação do simpósio em www.biosubbrasil.com.br.


Com informações e fotos de Rafael Passos , Jornalista/bolsista – Fapemig

Página Eventos UFLA no Facebook

Diretrizes de Comunicação da UFLA

Notícias por data

outubro 2017
S T Q Q S S D
« set    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Arquivo