Com foco na avaliação Capes 2021, PRPG se reúne com equipes de programas de pós-graduação da UFLA



20 de setembro de 2017, 6:44 pm , com 578 visualizações

A Pró-Reitoria de Pós-Graduação (PRPG) realizou, na tarde desta quarta-feira (20/9), uma reunião com toda equipe dos programas de pós-graduação da UFLA para tratar sobre os resultados da recém-publicada avaliação quadrienal da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), que mostrou os avanços dos programas da Universidade.

Na ocasião, foram convidados professores que participaram do processo para apresentar suas experiências e pontuar suas percepções sobre os caminhos que podem fazer a UFLA avançar ainda mais no próximo quadriênio. Entre os principais pontos discutidos, estiveram a internacionalização e a publicação de artigos em periódicos de relevância científica.

O pró-reitor de Pós-Graduação, professor Rafael Pio, ressaltou a importância de sempre encorajar o corpo docente e discente dos programas a submeterem artigos em periódicos de excelência. “Nossa meta está hoje orientada para o alcance internacional, com publicações em revistas bem conceituadas e de alto fator de impacto. Isso só é possível com a dedicação de toda a equipe que compõe um programa de pós-graduação: coordenação, professores e alunos. Em 2021, queremos ter ainda mais programas alcançando o padrão de excelência da Capes”, reforçou.

De acordo com o professor do Departamento de Agricultura (DAG/UFLA), Moacir Pasqual, que contribuiu com o processo de avaliação da Capes, os programas de pós-graduação devem estar sempre atentos aos documentos que definem cada área e dar seu desempenho máximo. “Os critérios de avaliação do quadriênio são definidos no dia da avaliação. Mas a Capes tem dado cada vez mais importância para a produção de artigos de qualidade, também de discentes e egressos, pois tem como objetivo principal a formação de pesquisadores”, pontuou.

UFLA na avaliação Capes

Os cursos de pós-graduação são avaliados com conceitos que variam de 3 a 7, nos quais são considerados diversos fatores, como a produção científica do corpo docente e discente, a estrutura curricular do curso, a infraestrutura de pesquisa da instituição. Em 2013, pela primeira vez, um Programa da Universidade atingiu a nota 7- Ciência do Solo. Desta vez, mais uma conquista, Genética e Melhoramento de Plantas também alcançou o índice máximo da escala.

Nos parâmetros da Capes, a nota 5 é atribuída aos cursos de excelência em nível nacional. As notas 6 e 7 correspondem aos cursos de qualidade internacional– cinco Programas da UFLA chegaram a esse patamar (Ciência do Solo, Genética e Melhoramento de Plantas, Zootecnia! , Ciência dos Alimentos, e Microbiologia Agrícola).  Já a nota mínima 3 foi atribuída aos cursos novos.

Leia também: Dois Programas de Pós-Graduação da UFLA conquistam nota máxima na avaliação da Capes- cinco são considerados como de excelência internacional

Página Eventos UFLA no Facebook

Diretrizes de Comunicação da UFLA

Notícias por data

setembro 2017
S T Q Q S S D
« ago   out »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Arquivo