UFLA e Epamig assinam acordo de cooperação técnica e científica



5 de setembro de 2017, 7:04 pm , com 683 visualizações

A cooperação em prol do desenvolvimento de pesquisas, publicações e desenvolvimento de tecnologias é o assunto de acordo assinado pela Universidade Federal de Lavras (UFLA) e Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig). O documento foi assinado no dia 5 de setembro, pelo reitor da UFLA, professor José Roberto Soares Scolforo, pelo presidente da Epamig, Rui da Silva Verneque, e pelo chefe da Epamig Sul, Rogério Antônio Silva. A solenidade ocorreu no Salão dos Conselhos, no edifício da Reitoria da Universidade.

Segundo o Acordo de Cooperação, as instituições devem conjugar esforços para a realização de atividades de pesquisa científica e desenvolvimento tecnológico em suas áreas de abrangência. Entre os pontos previstos, consta a participação de docentes da UFLA em pesquisas realizadas pela Epamig, e de docentes desta em pesquisas da Universidade; e a participação de estudantes da UFLA em projetos de pesquisa da Epamig, com concessão de bolsas de iniciação científica. Pós-graduandos também poderão participar de projetos de pesquisa da Epamig pelo acordo.

Os pesquisadores da Epamig poderão orientar e coorientar estudantes da UFLA, tanto os de nível de graduação quanto os de pós-graduação. Assim, também poderão integrar bancas de qualificação, teses e dissertação desses estudantes. Além disso, há a previsão de produção de livros, capítulos e artigos científicos conjuntamente, assim como edição de revistas da UFLA.

Também é prevista a concessão de estágios curriculares obrigatórios para graduandos da UFLA, sem o fornecimento de bolsas, assim como o uso compartilhado de áreas de produção científica para a realização de atividades de pesquisa.

A UFLA mantém o compromisso, ainda, de dispor à Epamig infraestrutura para a continuidade de seu funcionamento no câmpus. Em contrapartida, a Epamig cede 66,5 hectares de terra e infraestrutura para utilização de projetos de pesquisa da Universidade.

Para o presidente da Epamig, Rui Verneque, a ocasião “formalizou uma parceria já consolidada”. Ele lembrou que desde o lançamento do Sistema Nacional de Pesquisa Agropecuária* (na década de 1970) já havia ações de parceria entre as instituições. “A Epamig coloca à disposição sua estrutura, incluindo 26 campos experimentais, dos quais 8 estão no sul de Minas Gerais, e dois centros de ensino, para pesquisas. Essa estrutura é como uma série de laboratórios abertos, onde se tem procurado cumprir a missão de transformar o Brasil em um grande celeiro produtor de alimentos”, ressaltou. Ele salientou a importância de ambas as instituições nesse sentido ao focar o aumento na oferta de alimentos proporcionada pelo desenvolvimento científico para maior produtividade.

O reitor da UFLA, professor José Roberto Scolforo, também relembrou a existência de parceria entre as instituições. “Elas são um exemplo para a sociedade brasileira, ao longo de suas trajetórias, marcadas pela ampla dedicação de seus servidores”, elogiou. “A pesquisa gera desenvolvimento; e a educação possibilita o crescimento das pessoas. Com a continuidade do nosso trabalho, não tenho dúvidas de que irá surgir sensibilidade política para perceber a importância de investimentos na geração de cultura e pesquisa. Nós, da UFLA; juntamente com vocês, da Epamig; e da Prefeitura de Lavras, com o nosso trabalho, competência, limitações, mas sobretudo com o compromisso de fazer o bem ao próximo, semeamos esperança. E este é o objetivo da nossa parceria”, concluiu.

* O Sistema é constituído pelas Organizações Estaduais de Pesquisa Agropecuária, universidades, Embrapa e institutos de pesquisa de âmbito federal ou estadual, além de outras organizações públicas e privadas, direta ou indiretamente vinculadas à atividade de pesquisa agropecuária.

Página Eventos UFLA no Facebook

Diretrizes de Comunicação da UFLA

Notícias por data

setembro 2017
S T Q Q S S D
« ago    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Arquivo