Parceria com Auburn University concretizada: estudante da UFLA é selecionada para mestrado



17 de julho de 2017, 10:02 am , com 1.325 visualizações

Mariane Bacelar e o professor Alessandro Teodoro Bruzi (UFLA), um dos responsáveis pela parceria

Mariane Faria Braga Bacelar, 24 anos, formada em Educação Física/ Bacharelado, no segundo semestre de 2016, pela Universidade Federal de Lavras (UFLA), está entre as selecionadas para realizar o mestrado na Auburn Univesity, ranqueada entre as principais instituições de pesquisa e formação acadêmica em Educação Física (Kinesiology) nos Estados Unidos. A pesquisa, a ser desenvolvida por Mariane, tem foco na área de Aprendizagem Motora Humana, e tratará de questões relativas à expectativa de ensinar habilidades motoras para deficientes físicos.  

Além de ter sido selecionada, Mariane conseguiu todo o financiamento para o custeio das suas despesas e a realização da pesquisa. “Há uma premiação oferecida pela própria universidade em que selecionam quais pesquisas financiarão. A nossa foi uma das escolhidas, assim teremos recursos para contratar outros pesquisadores, adquirir equipamentos e possivelmente financiar a participação de voluntários”, comenta.

Mariane explica que o seu estudo permitirá mostrar as possibilidades em promover a aquisição de habilidades motoras no uso da cadeira de rodas. “Nossa pesquisa vai envolver cerca de 60 cadeirantes, que em algum momento da vida sofreram acidentes ou que foram acometidos por patologias. Ou seja, são pessoas que não nasceram com a deficiência, e por isso precisam aprender como se locomover com a cadeira de rodas. Assim, vamos estimular a aprendizagem dessa manipulação”, relata.

Antes de ser selecionada no mestrado, Mariane participou do Programa Ciência sem Fronteiras na Auburn, tendo sido considerada aluna destaque na School of Kinesiology por pesquisadores como: Keith Lohse, responsável pelo laboratório de Informática Aplicada à Reabilitação Motora e Matthew Miller, líder do laboratório de Psicofisiologia e Performance Exercício. Para o mestrado, ambos serão seus orientadores.

Parceria concretizada

A seleção da Mariane se destaca como uma das ações afirmativas do protocolo de intenções entre a UFLA e a Auburn, assinado em 2015, que teve como responsáveis os professores Alessandro Teodoro Bruzi e Marco Antônio Gomes Barbosa, do Departamento de Educação Física (DEF). A parceria teve início em 2014, quando o professor Alessandro Bruzi esteve em Auburn, por 25 dias, desenvolvendo uma pesquisa experimental com o professor Matthew Miller, envolvendo os processos cognitivos, subjacentes à aprendizagem motora humana.

Posteriormente, o manuscrito descrevendo todo o experimento foi publicado na principal revista da área denominada Human Movement Science, cujo JCR dos últimos cinco anos é de 2.255. “O estudo, que envolveu análise da atividade cerebral dos aprendizes, inovou significativamente o conhecimento da área ao concluir que seres humanos aprendem melhor novas habilidades motoras por realizarem operações cognitivas distintas quando estão no controle de determinado aspecto da prática”, comenta Bruzi. Desde então, o professor tem mantido parceria com os pesquisadores da Auburn, o que permitiu a produção de mais um artigo científico, publicado também na Human Movement Science, em 2016.

O professor explica a importância da pesquisa que Mariane desenvolverá. “Será um estudo com enorme impacto social e que, provavelmente, inovará o conhecimento científico a respeito da aprendizagem da manipulação de cadeira de rodas. Essa pesquisa possibilitará que as pessoas cadeirantes retornem ao seu convívio social o mais rápido e eficiente possível, respeitando a nova condição. Além disso, essa pesquisa se preocupará com dois pontos essenciais: como o cérebro opera sua cognição quando a habilidade motora estiver sendo aprendida e quais os possíveis fatores que podem potencializar a aprendizagem dessa habilidade”.

Bruzi ressalta ainda o desempenho de Mariane durante toda a graduação e enquanto realizou o Ciência Sem Fronteiras. “É importante destacar que tudo foi mérito dela. Durante o intercâmbio esteve entre os melhores estudantes que estavam nessa linha de pesquisa. Agora é uma nova oportunidade e que abrirá novos caminhos para ela. Além disso, é a UFLA tendo cada vez mais credibilidade internacionalmente”, destaca. 

Página Eventos UFLA no Facebook

Diretrizes de Comunicação da UFLA

Notícias por data

julho 2017
S T Q Q S S D
« jun   ago »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Arquivo